banner

Nanda Garcia apresenta seu mais recente trabalho, “Logo Ali”, nas redes da Sala Nelson Pereira dos Santos



Nanda Garcia.

Nestes tempos de pandemia e com os espaços culturais ainda fechados, as plataformas digitais se tornaram espaços de apresentação onde os artistas podem levar a sua arte para o grande público.

Seguindo uma tendência inovadora, os equipamentos culturais da Prefeitura de Niterói mantém seus palcos digitais abertos, é o caso da Sala Nelson Pereira dos Santos que nesta sexta-feira, 24 de julho, às 19h, apresenta em suas redes sociais, a cantora e compositora niteroiense Nanda Garcia que irá mostrar seu mais novo álbum, “Logo Ali”. Cantora e compositora já consagrada, Nanda aproveitou o período de quarentena para produzir esse trabalho com sete músicas inéditas, compostas pela própria Nanda, a mãe, Rogéria de Fátima e Alexandre Castilho. O álbum representa o retorno da artista, depois de um recesso, primeiramente opcional, dedicado à maternidade, e, depois, compulsório imposto por uma crise sanitária até então desconhecida pela atual geração.

Com produção musical do parceiro Alexandre Castilho e participação de instrumentistas de primeira grandeza, “Logo ali” presenteia o público com canções que falam sobre amor e demonstram a maturidade e toda sensibilidade da cantora nessa nova fase. A faixa “Benzinho” inaugurou a série de clipes, mas as outras seis também ganharam versões audiovisuais nas redes: “Flor da idade”, “Amor sem Jens”, “Mapa da criação”, “Reinado”, “Logo ali” e “Carrossel”.

Nanda Garcia cresceu em um lar de música e tem como maior influência o avô, Geraldo Baptista, cantor e compositor da década de 40 e estrela dos programas de rádio. Aos 10 anos, já fazia parte do coral da escola. Aos 16, em um Grupo Vocal niteroiense, se apresentou ao lado de Ivan Lins. Sua carreira solo começou aos 17 anos, cantando ao lado de Jair Rodrigues, em quatro shows no musical “Mistura Fina”. Um ano depois, lançou um show de releituras do Rock Nacional, com direção da sua professora e mentora Fátima Regina.

Nesse mesmo cenário, recebeu o convite para gravar o seu primeiro CD – sob a produção musical de Jorge Cardoso. Com esse trabalho, dedicado à música POP, apresentou-se em rádios de diversos estados, mas foi em busca de sua verdadeira raiz musical: a Música Popular Brasileira.

Estudou por oito anos no Conservatório de Música do Estado do Rio, base acadêmica fundamental em sua formação. Foi o alicerce para o sucesso nos testes para importantes musicais do cenário brasileiro e demais participações. Interpretou, por exemplo, a “Nala”, em 2006, como solista no musical ‘O Rei Leão’ em São Paulo; e, dois anos depois, foi crooner do musical ‘Dancing Eldorado’, no Rio de Janeiro.

A partir daí, ganhou o mundo, marcando presença em concertos musicais na Noruega e no Siri Lanka, encantando o público com interpretações impecáveis de composições de Vinícius de Moraes e Tom Jobim. Foi protagonista em duas edições de realitys shows, no Brasil. Ao avaliar a performance da cantora como uma das finalistas do “The Voice de 2014”, Carlinhos Brown foi preciso: “Nanda representa a música com muita nobreza”.

De volta ao Brasil, teve o privilégio de gravar seu segundo CD com saudoso baixista Arthur Maia, projeto em que atuou também como co-produtora, com participação de Zeca Baleiro e Dudu Nobre e uma composição de Martinho da Vila.

Sobre seu novo e decisivo projeto, Nanda Garcia diz: “A eterna busca pelo sentido da vida, pelo encontro com o outro, pela luz, pelo amor:
Está ‘Logo ali’. Basta seguir em frente, acreditar e sonhar! São como raios de luz em meio à escuridão, nos embalando, nos transportando e nos alegrando!”

SERVIÇO

Nanda Garcia
Data: Sexta-feira, 24 de julho
Horário: 19 horas
Duração: 30 minutos
Facebook e instagram @salanelsonpereiradossantos




HTML5 Icon
Top