Acompanhe nossas redes sociais

No dia da mentira, a importância da verdade



Afinal de contas, como separar o joio do trigo, como identificar o que é verdade em meio às informações falsas que circulam nas redes? Em tempos de fake news e versões distorcidas dos fatos, é preciso observar se aquela mensagem recebida no Watsapp procede ou não. Na dúvida, é melhor perguntar qual é a fonte?


Fenômeno antigo, intrigas e fuxicos, conquistam novos espaços, movidos pelas inovações tecnológicas. Se for algo que desperte o interesse do público pode cruzar o planeta em questão de segundos.

Tudo é tão instantâneo que muitas vezes nem dá tempo de checar a informação, o que obriga muitos meios de comunicação a emitirem pedidos de desculpas pelo erro cometido.

Mas nem toda a mídia se preocupa com a verdade dos fatos, particularmente aquelas que identificam oportunidades de mercado voltadas para públicos que se interessam mais pelo sensacionalismo do espetáculo do que pelas produções jornalísticas .

Com o crescimento de dispositivos eletrônicos de acesso à internet, estas novas mídias não precisam de concessões públicas de rádio e TV, elas transmitem a partir de plataformas como Facebook, Instagram e Youtube, alcançando um grande número de espectadores graças ao compartilhamento pelas redes sociais e aplicativos de mensagens.

A mídia corporativa e a imprensa independente perceberam esta tendência e têm investido fortemente, não apenas em vídeos, mas também nos podcasts. O sucesso do Clubhouse, rede social baseada em conversas de áudio, tem motivado a concorrência e logo não será surpresa se outras redes explorem tais recursos.

Se os suportes mudam, o interesse do público pela notícia continua crescente, antes presente no impresso, agora na tela de um celular, tablet ou computador.

A informação, tanto para quem produz conteúdos, tanto para quem a consome, segue sendo valiosa para se orientar em um mundo a cada dia mais conectado e complexo. Neste caso, a mentira se mostra prejudicial à vida em sociedade e a verdade, cada vez mais, se afirma como indispensável para transitar nestes novos tempos digitais.

Marcio Kerbel


Marcio Kerbel – Jornalista


Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
Compartilhe esta matéria:

Quer anunciar no jornal Diário de Niterói? Clique aqui e fale diretamente com nosso atendimento publicitário.




Top