Acompanhe nossas redes sociais

Niterói projeta retomada econômica para 2022



Nesta quinta-feira (16), a Prefeitura de Niterói realizou o 6º Encontro de Gestores, o último de 2021.O evento reuniu secretários e coordenadores públicos municipais de Niterói para fazer uma avaliação do ano e alinhar as estratégias de planejamento e orçamento para 2022, além de estabelecer prioridades de acordo com o Pacto de Retomada Econômica. O encontro aconteceu seguindo os protocolos de segurança sanitária, no Clube Central, em Icaraí. O prefeito Axel Grael destacou que, das 184 metas da administração municipal, 81% foram cumpridas e que, até o final do ano, este percentual pode ser ainda maior.

Axel Grael falou sobre o desafio do primeiro ano de seu governo, marcado pela pandemia do coronavírus. O prefeito afirmou que, em 2021, houve um aumento de 165% nos investimentos de proteção social como, por exemplo, o Programa de Renda Básica Temporária. Axel disse que estes investimentos foram determinantes na assistência às famílias mais necessitadas da cidade durante a pandemia. O prefeito disse que, agora, Niterói está preparada para iniciar uma nova etapa em 2022, com prioridade absoluta para o Pacto de Retomada Econômica e para a geração de emprego e renda. Axel Grael lembrou que a Prefeitura vai investir R$ 2 bilhões em ações para impulsionar o crescimento na cidade.

“Esse é um momento em que verificamos o andamento e cumprimento das metas e estabelecemos as orientações ao secretariado, estipulando as prioridades. Hoje, estamos reunidos para nos preparar para 2022, que vai ser um ano muito importante com o início de um programa de obras de infraestrutura que deverá ser histórico em Niterói. Em 2021, o foco foi no combate à pandemia e, no fim do ano, priorizamos a retomada da economia. A ênfase agora será esse plano de investimentos para os próximos anos”, afirmou o prefeito.

A secretária de Planejamento, Orçamento e Modernização da Gestão, Ellen Benedetti, enfatizou que Niterói conseguiu se antecipar à pandemia e organizar as contas públicas. Ela destacou que nenhum outro município conseguiu pagar um benefício assistencial às famílias mais vulneráveis durante tanto tempo, ao todo foram 20 meses. Ellen Benedetti afirmou que a cidade está estruturada para a retomada econômica.

“Verificamos que foi fundamental o esforço que Niterói fez, conjuntamente, para realizar o enfrentamento à pandemia, redirecionando seus recursos para as ações emergenciais como Renda Básica Temporária, Empresa Cidadã, compra de cestas básicas, estruturação e funcionamento do Hospital Oceânico, o que exigiu um grande esforço para absorver essa nova despesa e tivemos um saldo muito positivo. Temos uma janela para fazer grandes investimentos, especialmente no Pacto de Retomada Econômica. A gente percebe que Niterói, de fato, está a frente”, explicou a secretária, que também destacou o processo de digitalização de toda a Prefeitura de Niterói.

Ellen Benedetti disse que, em 2022, será possível ter ainda mais agilidade na atenção das demandas sociais, promover investimentos e fazer uma retomada mais sólida na cidade. Ela revelou que a Lei Orçamentária para 2022, que está em discussão na Câmara Municipal de Vereadores, prevê recursos significativos para as áreas de proteção social (com a Moeda Social Arariboia) e prevenção à violência, além de aumento de recursos para educação, saúde e cultura, que são setores que mobilizam a economia da cidade.

A secretária municipal de Fazenda, Marília Ortiz, apresentou um panorama econômico do ano, com ênfase em desafios como a alocação de recursos para cobrir as políticas de enfrentamento à pandemia. Ela contou que Niterói teve uma boa receita com a arrecadação dos impostos (ICMS, ISS, IPTU), que apresentaram bons resultados a partir do segundo semestre deste ano. Marília Ortiz afirmou que a dívida ativa também apresentou grandes resultados, com 130% acima da meta prevista para este ano.

“Fizemos um amplo balanço dos principais projetos e dos resultados do governo que impactam na sintonia entre todos os setores. A gestão funciona como um maestro dessa grande orquestra. Foi um ano muito bom, em que a gente manteve as estratégias muito coesas e já estamos preparando os investimentos para esse processo de retomada econômica”, reforçou a secretária.

Na segunda parte do 6º Encontro de Gestores, os secretários apresentaram os desempenhos das respectivas pastas a partir das metas definidas para cada área. No início de 2021, cada órgão municipal estabeleceu quatro objetivos: uma meta relacionada ao Plano de Governo e/ou ao Plano Niterói Que Queremos; uma meta relacionada ao Governo Digital; uma meta voltada para medidas de enfrentamento à Covid-19 ou ao Pacto de Retomada Econômica e Social e uma meta livre.

Foto: Divulgação/PMN

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
Compartilhe esta matéria:

Quer anunciar no jornal Diário de Niterói? Clique aqui e fale diretamente com nosso atendimento publicitário.




Publicidade


Top